jump to navigation

EM KANDAHAR janeiro 29, 2018

Posted by eliesercesar in Poesia.
add a comment

Um dia, vou mudar.

Nem que seja para Kandahar.


 

Anúncios

ROUPA SUJA janeiro 29, 2018

Posted by eliesercesar in Poesia.
add a comment

 

Como uma lavadeira à beira do rio,
que pega a roupa molha, ensaboa,
esfrega, lava, bate, enxágua,
torce e bota para secar nas pedras,
um dia, hei de pegar a trouxa da vida,
lavar, ensaboar ,enxaguar, torcer
botar para secar ao sol de mim mesmo,
esperar que enxugue no celeste varal
e depois, bem depois, sair às ruas,
limpo, sobranceiro, todo estival.

 

 

 

AMANHECER DA GUERRA janeiro 12, 2018

Posted by eliesercesar in Poesia.
add a comment

Nenhuma guerra é necessária.
Pode o canhão despertar
a humanidade do orvalho?

Não há orvalhos para os mortos.